domingo, 30 de julho de 2017

O conservadorismo como "reação"

João Pereira Coutinho
"O conservadorismo político recusa os apelos do pensamento utópico, venham eles de revolucionários ou reacionários. Mas o conservadorismo não se limita apenas a recusar esses apelos utópicos, que fazem da fuga para o futuro (ou para o passado) um programa de ação no momento presente. O conservadorismo, por entender o potencial de violência e desumanidade que a política utópica transporta, irá também reagir defensivamente a tais apelos - e 'reagir' é a palavra crucial para entender o conservadorismo como ideologia" (João Pereira Coutinho, As ideias conservadoras).

Nenhum comentário:

Postar um comentário