quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

O universalismo concreto

Sérgio Paulo Rouanet
"... o universalismo concreto. É possível conviver com todas as diferenças, desde que elas respeitem um núcleo mínimo de normas e princípios comuns, de princípios universais aplicados a todas as culturas; a partir daí, o pluralismo, a diversidade, a variedade cultural. Em outras palavras, todos os particularismos culturais podem florescer, contanto que se subordinem a uma cultura política comum, consubstanciada numa constituição democrática. Uma das regras do jogo democrático é que todas as culturas são livres de desdobrar-se em sua multiplicidade, mas que em caso de conflito os princípios universais devem prevalecer sobre os particulares" (Sérgio Paulo Rouanet, Universalismo concreto e diversidade cultural).

Nenhum comentário:

Postar um comentário