sábado, 11 de fevereiro de 2017

Crítica ao antropocentrismo (2)

Michel de Montaigne
"... quem souber reconhecer em sua [da natureza] face uma variedade tão geral e constante, e que se veja a si mesmo, e não só a si mesmo mas a um reino interior, menor que um ponto de lápis, em comparação com o todo, será capaz de avaliar as coisas de acordo com seu verdadeiro valor e grandeza" (Michel de Montaigne, Ensaios).

Nenhum comentário:

Postar um comentário