domingo, 12 de fevereiro de 2017

Consequências da industrialização na prática econômica

Paul Singer
"Um operário, operando uma máquina de fiar ou um tear mecânico, produzia em cada jornada de trabalho volumes muito maiores de fio ou tecido do que outro contando apenas com máquinas manuais. Esse diferencial de produtividade se traduzia num diferencial de custos, onde quer que a produção estivesse organizada de modo capitalista. O proprietário de uma fábrica mecanizada podia vender seu produto a um preço muito menor do que seu concorrente, dono de manufatura, e ainda ter uma margem muito maior de lucro. Obviamente, isso estimulou a adoção do motor a vapor e das máquinas a ele acopladas pelos empresários capitalistas, cujo objetivo é sempre o maior lucro em relação ao valor do seu capital" (Paul Singer, A formação da classe operária).

Nenhum comentário:

Postar um comentário