quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Patrimonialismo e serviço público no Brasil

Sérgio Buarque de Holanda
"Para o funcionário 'patrimonial', a própria gestão política apresenta-se como assunto de interesse particular; as funções, os empregos e os benefícios que deles aufere relacionam-se a direitos pessoais do funcionário e não a interesses objetivos, como sucede no verdadeiro Estado burocrático, em que prevalecem a especialização das funções e o esforço para se assegurarem garantias jurídicas aos cidadãos" (Sérgio Buarque de Holanda, Raízes do Brasil).

Nenhum comentário:

Postar um comentário