quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Hipermodernidade

Gilles Lipovetsky
"Eleva-se uma segunda modernidade, desregulamentadora e globalizada, sem contrários, absolutamente moderna, alicerçando-se essencialmente em três axiomas constitutivos da própria modernidade anterior: o mercado, a eficiência técnica, o indivíduo. Tínhamos uma modernidade limitada; agora, é chegado o tempo da modernidade consumada" (Gilles Lipovetsky, Os tempos hipermodernos).

Nenhum comentário:

Postar um comentário